DISCURSO DE INICIAÇÃO Imprimir E-mail
Qui, 29 de Abril de 2010 14:01

DISCURSO DE INICIAÇÃO

(Discurso pronunciado pelo Orador FRANCISCO DIAS NASCIMENTO FILHO (ARLS Pioneiros de Brasília nº 2288), quando da iniciação dos Irmãos CAMILO e PAULO nesta segunda-feira (26)

Klebber S Nasci,mento

29.04.2010

O peregrino em busca do conhecimento dispensa a viagem geográfica, aquela que se realiza no espaço físico deste pequeno planeta no qual habitamos.

A sua viagem é maior, e ela tem início no mais recôndito e obscuro grotão de nossa mente.

E prossegue pelos caminhos insondáveis da alma, alcança as grandes rotas do espírito e se finaliza no templo do coração.

A venda colocada em vossos olhos, vos fez refletir sobre as trevas, sobre quão profunda é a escuridão do espírito.

E a luz que vos foi dada, mostrou-vos o deslumbramento da nossa filosofia Maçônica.

Conhecedores agora do abismo existente entre a luz e as trevas, sobre isso agora deveis meditar.

O ensinamento aqui é simbólico, mas a conclusão deve ser prática.

A luz que ilumina o espírito, que aviva o intelecto e que clareia o caminho, essa luz aqui vos a terão.

E somente mais tarde, quando dela estiveres repleto e saciado, aí sim, poderão avaliar o quão grande eram essas trevas em que vos estivestes mergulhados.

Meu irmão recém chegado!

Todas as semanas, aqui nós nos reunimos e, quando conosco estiveres, deixai de lado a vossa toga, a vossa farda, o vosso uniforme, vesti então o vosso terno ou o vosso escuro balandrau, pois aqui somos todos iguais.

Quando aqui vós entrardes, lembrai-vos de deixar lá fora, as jóias, as condecorações, as medalhas, as comendas, pois aqui de nada vos servirão.

Esqueçam em vossas casas os diplomas, os títulos, as credenciais, pois aqui não terão valor.

Não traga para este Templo teus talões de cheque, passaportes, escrituras, cartões de crédito... aqui, deles não precisarás...

Tragam isto sim, a vossa lealdade, a amizade, a humildade, traga enfim, a vossa inteligência e o vosso amor, a vossa fraternidade e o vosso afeto.

Pois é disso que necessitamos, é a isso que damos valor.

Aqui nos reunimos e pedimos ao S∴A∴D∴U∴ (Supremo Arquiteto do Universo) que é Deus, que ele nos ilumine nos ampare, e que dirija os nossos trabalhos à perfeição.

E é a isso que vos convidamos a fazer.

Hoje começa para vós uma grande jornada, uma viagem simbólica e introspectiva, uma nova concepção de vida, uma realidade maior.

Queremos que vós aproveiteis ao máximo, tudo o que aqui for ensinado, nós queremos que progridam conosco, assim como nos progrediremos juntos.

Assim galgaremos todos juntos, os degraus do aperfeiçoamento interior.

Lá fora no mundo profano, para que vós sejais o primeiro, alguém deverá ser o último.

Lá fora no mundo profano, só sereis vencedor quando abaixo de ti houver vencidos.

Mas aqui não, aqui somos todos iguais.

A lei que nos governa é a lei do amor, e o amor é mais generoso.

Que a vitória e o amor não se alimentem da derrota, e nem a ela estejam condicionada.

É absoluto que o amor prescinde de contrários, independentemente do “contraste”.

E este amor aqui vós o descobrirá, na convivência com os vossos Irmãos, usando o esquadro da razão e o compasso da sensibilidade.

Se forem idealistas e persistentes, esses mistérios vós o descobrirão.

É isto que todos nós, ardentemente, vos desejamos.

FONTE DE PESQUISA: http://recantodasletras.uol.com.br/discursos/1210837

Última atualização em Qui, 29 de Abril de 2010 14:04
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

 
Livro Banquete Maçônico
Banner
Visitantes Online
Nós temos 23 visitantes online
Visitas
mod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_counter
 
Usuários Online
Nós temos 23 visitantes online
Twitter

Nos siga no Twitter

Idiomas / Language
English French German Spain Italian
Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
Publicidade
Banner
Banner
Banner
Banner